SharePoint
Sombras Andantes
23/09/2022 09:00
Mais Sindicato
Um espetáculo sobre a relação do Estado Novo com os homossexuais, inserido na programação paralela da exposição temporária Adeus Pátria e Família, patente no Museu do Aljube.

Neste solo, André Murraças mistura o documental com o ficcional sobre as vidas homossexuais que o Estado Novo foi perseguindo, recorrendo a relatos sobre anónimos baseados nos arquivos da Polícia Judiciária, e casos como o do poeta António Botto e o escândalo da Literatura de Sodoma (que vitimou ainda os escritores Judith Teixeira e Raul Leal), o bailarino encarcerado Valentim de Barros, Júlio Fogaça – dirigente do PCP, ou o médico Egas Moniz que considerou a homossexualidade como doença e contribuiu assim para a criação do estigma e sua validação como crime.

Ficha técnica
Texto, encenação, cenografia e interpretação: André Murraças.

Sextas, às 19h00; sábados, às 16h00, até 1 de outubro, no Museu do Aljube – Resistência e Liberdade.
Entrada livre, sujeito a inscrição para: inscricoes@museudoaljube.pt

©Alipio Padilha
Fonte: Agenda Cultural de Lisboa